O Guia Definitivo das IPAs. Tudo sobre o estilo.

Guia Definitivo das IPAs

Esses dias estava vendo as novidades das cervejarias, e sempre aparece uma variedade de IPA, que às vezes até fico confuso. Foi tanta variação em sub-estilos que resolvi fazer uma pesquisa e criar o Guia Definitivo das IPAs para vocês.

A IPA, também conhecida como India Pale Ale, é um dos estilos mais consumidos no mercado americano e um dos que mais tem crescido no cenário nacional. Sua origem no entanto é da Inglaterra, da época que os ingleses tinham colônias nas Índias, porém lá era inviável para a produção da mesma. Foi quando a Hodgson’s Brewery adicionou conservantes (lúpulo) na cerveja para poder resistir ao transporte até as Índias. De lá para cá, foram derivadas diversas variações e sub-estilos que caíram no gosto dos apreciadores do amargor do lúpulo. 

Vamos conhecer alguns sub-estilos das IPAs

American IPA

A American India Pale Ale (IPA), uma variação da English India Pale Ale, é uma cerveja relativamente nova que se originou na década de 1970, quando os cervejeiros artesanais americanos tentaram colocar sua identidade em um estilo clássico. Os cervejeiros aproveitaram a grande variedade de estilos de lúpulo disponíveis nos Estados Unidos, adicionando notas cítricas e / ou frutadas se comparado ao estilo IPA original.

A American IPA normalmente tem um teor alcoólico de 5 a 8 por cento ABV e aromas frutados e terrosos distintos que vêm do lúpulo americano. Tem uma cor dourada a vermelha e segue de perto a descrição de um IPA britânico, simplesmente com ingredientes americanos que criam um flare mais nítido e poderoso. A American IPA harmoniza extremamente bem com alimentos mais picantes, como asinhas de frango, comida mexicana e qualquer outra coisa com um toque especial.

>> Confira algumas opções de American IPA

Session IPA

A classe de cervejas “Session” recebe o nome do termo em inglês ‘ir para uma sessão’ – uma sessão de bebida que pode tomar a maior parte do seu dia. Também nos dá o termo “sessão”, como em “essa é uma cerveja que pode ser sessão”, ou seja, você poderia continuar bebendo sem muitos problemas. No entanto, não confunda isso com cervejas de baixo teor alcoólico. As Session IPAs podem ser mais leves do que os IPAs regulares, mas ainda costumam atingir 5% ABV.

A ideia de uma Session Beer – IPA, Pale Ale, Lager, etc. – é que seja leve o suficiente para beber mais de um ou dois litros e ainda estar de pé. Uma cerveja com um sabor excelente que você pode beber a qualquer hora do dia.

>> Confira algumas opções de Session IPA

Double IPA / Imperial IPA

As Double IPAs, também chamadas de “Imperial” IPAs, um estilo exclusivamente americano leva o desejo por lúpulo. Estes geralmente usam o dobro ou até o triplo da quantidade típica de lúpulo, mas também adicionam mais maltes para equilibrar. A cerveja resultante tem predominância de lúpulo e notas maltadas com um alto ABV para combinar.

>> Confira algumas opções de Double IPA

West Coast IPA

As West Coast IPAs são tradicionalmente conhecidas por seu aroma de lúpulo, alto amargor e aroma e sabores cítricos e de pinho.

As West Coast IPAs são tipicamente produzidas com maiores quantidades de lúpulo na etapa de fervura, o que leva ao alto amargor e ao sabor de lúpulo no paladar. O lúpulo ainda é adicionado pós-fermentação (dry hopping) à cerveja para adicionar mais aroma e um pouco de amargor, mas as proporções são mais iguais entre os dois, enquanto IPAs turvas tendem a ter mais lúpulo adicionado pós-fermentação e pouco ou nenhum na fermentação, o que leva a menos amargor e sabor de meio-palato e mais aroma.

>> Confira algumas opções de West Coast IPA

New England IPA / Hazy IPA / Juicy IPA

As NEIPAs (New England IPAs), também conhecido como Juicy IPAs, Hazy IPAs, East Coast IPAs e IPAs não filtrads, conquistou a indústria cervejeira. Eles tendem a ser mais baixos na escala de amargor com sabores tropicais e suculentos. NEIPAs também têm uma sensação na boca mais cheia ou cremosa e geralmente são mais doces. Isso pode ter muito a ver com a percepção do amargor e como isso afeta o equilíbrio com a doçura.

Já fizemos um outro artigo falando sobre a diferença entre NEIPA e Juicy IPA que também vale a pena conferir para entender os detalhes de cada sub-estilo.

>> Confira algumas opções de NEIPA

Red IPA

A Red India Pale Ale (IPA), ou India Red Ale, é de cor âmbar avermelhada a acobreada-avermelhada escura, lupulada, amarga e moderadamente forte como uma American IPA, mas com algum sabor de malte caramelo, toffee e / ou fruta escura. Mantendo o final seco e o corpo leve que deixa as IPAs com alto drinkability, uma Red IPA é um pouco mais saborosa e maltada do que uma American IPA sem ser doce ou pesada. Uma Red IPA será diferente de uma American IPA com a adição de alguns maltes mais escuros dando um equilíbrio ligeiramente mais doce, mais caramelado e à base de frutas escuras. Uma Red IPA difere de uma American Strong Ale porque o perfil do malte é menos intenso e possui menos corpo. Ele ainda tem um bom equilíbrio de IPA e não tende para um caráter de malte semelhante ao do barleywine. É também como uma American Amber Ale mais lupulada e mais forte, com o característico final seco, corpo médio-leve e forte caráter de lúpulo tardio.

Rye IPA

A Rye India Pale Ale (IPA), também conhecida como Rye IPA ou RIPA, é decididamente lúpulo e amargor, coloração dourado médio a leve avermelhado-âmbar, apresentando variedades modernas de lúpulos americanos e do Novo Mundo e malte de centeio. O equilíbrio é lúpulo para a frente, com um perfil de fermentação limpo, final seco e limpo, apoiando o malte, permitindo que uma gama criativa de caráter de lúpulo brilhe. O caráter do malte de centeio deve ser perceptível e contribui para um final seco. Mais seco e ligeiramente mais picante do que uma American IPA tradicional. O amargor e o sabor picante do centeio perduram por mais tempo do que uma American IPA.

White IPA

A White India Pale Ale (IPA), ou India White Ale, é uma versão frutada, picante e refrescante se comparado a uma American IPA, mas com uma cor dourada profunda, menos corpo e apresentando a levedura e / ou acréscimos de especiaria típicos do estilo belga. Semelhante ao estilo belga Witbier, exceto por ser altamente lupulada, comparando-se com  o nível de uma American IPA. Amarga e lupulada como a IPA, mas frutado, picante e leve como o Wit. Normalmente, o aroma e o sabor do lúpulo não são tão proeminentes como em uma American IPA.

Black IPA

A Black India Pale Ale (IPA), também conhecida como Cascadian Dark Ale, é uma cerveja de cor marrom escura a preta com a secura, equilíbrio hop-forward e características de sabor de uma American IPA, apenas na cor mais escura, mas sem ser muito torrada ou  sabores queimados. O sabor dos maltes mais escuros é suave e favorável, não é um componente importante do sabor. Equilíbrio e impressão geral de um American ou Double IPA com torra contida semelhante ao tipo encontrado em Schwarzbiers. Não tão torrado quanto as stouts e porters americanas, e com menos corpo e maior suavidade e drinkability.

Da mesma forma, a Brown IPA, também conhecida como India Brown Ale, é lupulada, amarga e moderadamente forte como uma American IPA, mas com algum caráter de caramelo, chocolate, toffee e / ou malte de frutas escuras como em uma American Brown Ale. Mantendo o final seco e o corpo magro dos IPAs, uma Brown IPA é um pouco mais saborosa e maltada do que uma American IPA sem ser doce ou pesada.

Milkshake IPA

A “Milkshake India Pale Ale (IPA)” é um sub estilo turvo com sabor distinto, em que a turbidez não vem do mesmo processo de fabricação de cerveja que as NEIPAs. Enquanto os lúpulos como agentes aromatizantes e de sabor são os principais fatores, os restos de lúpulo e outros compostos metabolizados são usados ​​como agentes corporais para as NEIPAs. A Milkshake IPA usa pectinas de frutas e vanilinas para dar sabor e aroma, e a sensação do corpo na boca vem da lactose. O lúpulo geralmente contribui para o sabor e aroma frutado, mas a parte do milk-shake vem da doçura, sensação na boca e frutado em geral. A turbidez vem da lactose adicionada e da pectina da fruta que não se decompõe. Ele pode até ser aumentado usando adições de grãos de cevada em flocos ou aveia. Na “Smoothie IPA”, adiciona-se à bebida fruta fresca ou polpa e o amargor é compensado com uma boa quantidade de açúcar, refinado ou natural.

Acho que com esses estilos cobrimos a maioria das variações das IPAs. Mesmo assim, ainda podemos ver combinações desses sub-estilos, e aí a lista ficaria mais variada ainda. Mas entendendo pelo menos estes, vai conseguir entender o perfil de uma combinação dessa lista.

E aí, já experimentou todos os mencionados acima ? Qual dessas variações mais te agrada ? Conta pra gente aqui nos comentários. 

Deixe um comentário

Chama no Zap!
Enviar